Sinopse "Está bem no fundo. Não se pode alcançar... aos poucos, vai roubando o ar.” Ana Luiza vai perdendo seu fôlego: o fim de (m...

Sinopse
"Está bem no fundo. Não se pode alcançar... aos poucos, vai roubando o ar.” Ana Luiza vai perdendo seu fôlego: o fim de (mais) um grande amor, um pai distante, uma mãe fútil, uma amizade complexa e "pessoas que sempre vão embora". Com suas músicas de rock, seus livros e seus cigarros, Ana Luiza vê sua vida desmoronar.
"O amor é uma ferida”, ela sentencia. Mas a “garota de olhar longínquo” tem um encontro inesperado com um alguém aparentemente muito diferente dela: os “olhos imensos”, que tudo veem... Presa em seu próprio mundo e rendida ao álcool e às drogas, Ana Luiza tenta fugir. Principalmente do temido amor, que tanto a feriu... 
Como encontrar, ou reencontrar o próprio destino?
Até onde o amor pode ir, até quando pode esperar? O que há além das baladas de rock e dos poemas românticos? Poderá o amor salvar alguém de sua própria escuridão?
Às vezes, é necessário perder quase tudo para reencontrar... e finalmente poder amar."

Resenha
Confesso que ao começar a ler este livro me desanimei pois o livro é bem triste e se você estiver chateado com sua vida amorosa recomendo que dê uma pausa na leitura a menos que queira suforcar em lágrimas rsrs, pois o livro começa com a protagonista divagando sobre sua vida amorosa incrivelmente fracassada, mas quem não teve desilusões amorosas que atire a primeira pedra não é mesmo?!

O livro é basicamente "Sexo, drogas e rock and roll" com a diferença de que no lugar de sexo o livro apresenta pitadas de amor e de muita amizade e companheirismo!

Ana Luiza  é uma jovem com uma vida extremamente complicada, com muitas perdas, angustias, tristeza e solidão, além de muita paixão pelo Mettalica. Ela vive vagando através de sua vida cheia de dúvidas, incertezas e 'solidão', mas parece que a vida quer zoar com ela ainda mais e coloca um jovem atencioso, carinhoso e muito educado em seu caminho, Rafael que se aproxima dela e se torna um amigo para todas as horas enquanto ela tenta manter-se afastada e reprimida em seu mundo fechado.

A jovem já teve muitas experiências tristes para ter certeza de que a vida nem sempre é tão querida e generosa com ela, mas ela não pensava que seu destino seria este... 

Quem nunca se perdeu no caminho da vida? Quem não deixou de sonhar em um determinado momento da vida? Quem não teve dúvidas se realmente gostaria de seguir e continuar a 'viver'? Quem não teve o famoso momento em que sobrevivemos ao invés de vivermos? Pois é, acredito que todos já devemos ter passado por isso e se não passamos é provável que em um certo momento iremos passar por isso, e Ana Luiza teve que enfrentar isso muito cedo, por isso ela é do jeito que é!

Para os que buscam um livro que transmita a 'verdade, nua e crua' eis aqui a minha recomendação! Mas não pense que o livro vai te trazer desesperança, depressão profunda, desamor ou algo do tipo, pois isso ocorre aparentemente... Tenho certeza que ao terminar o livro você irá compreender porque tal narrativa era necessária, irá compreender o que pode levar alguém a tal situação!

Nunca havia lido um livro que transmitisse de forma tão realista os efeitos que o alcoolismo e as drogas pode causar na  vida das pessoas, não havia encontrado até então um livro que descrevesse exatamente como alguém pode chegar a ser viciado, não havia lido como alguém chega a usar drogas, não havia lido as situações da vida que pode te levar a uma depressão profunda, a um destino que sem dúvida não era aquele tão sonhado para sua vida... Esse livro é magnífico, realista e incrivelmente bem descrito, você vive os sentimentos da personagem e no fim você se Reencontra junto ao livro!

Reencontro é o rei da descrição perfeita das armadilhas psicológicas e torturas do vício, fala sobre depressão, angústia, automutilação e vícios como em cigarros, em drogas e alcoolismo, mas de uma maneira realista que surpreende o leitor e o faz compreender os sentimentos da protagonista e que claro temos uma batalhadora e digna da vitória. (É digno de Oscar para melhor descrever o que quero dizer rsrs)

O fim é surpreendente, não tenho palavras suficientes para descrever o que você sente, ele é muito mais que uma lição de vida, muito mais que um livro, muito mais do que eu possa dizer que ele seja... É simplesmente INDESCRITIVELMENTE PERFEITO! 

Eu estou me esforçando ao máximo para colocar aqui o que eu senti, mas devo confessar minha descrição é muito simplória e minúscula perante a grandiosidade deste livro, ele me fez enxergar algo que muitas vezes não observamos em sociedade, me fez compreender e ser 'testemunha' de um reencontro fantástico! Sei que ao iniciar a leitura você terá dúvidas quanto ao que estou falando, mas também posso afirmar que quando concluir a leitura do livro você verá assim como eu que o livro é surpreendente e fantástico!

Devo agradecer esta oportunidade e surpresa mais uma vez a minha teimosia literária em que nunca me permito abandonar uma leitura, apenas permito uma pausa onde eu retome a leitura em um momento mais adequado a sentir o livro em sí! Se quer meu maior conselho literário, eis que lhe digo... Jamais abandone a leitura de um livro, persista! Ele irá te surpreender... Senão agora, com certeza em um futuro não muito distante você se surpreenderá.

Bem eu realmente não tenho como alcançar a amplitude deste livro nessa simples resenha... Por isso o que posso lhe dizer é que o recomendo muitooo e...

BOA LEITURA...

Quotes  Preferida
"Até as cicatrizes tem razão. Até as cicatrizes são parte de quem a gente é. Cada marca é uma história. Uma vitoria. Elas tão ali para dizer que a gente sobreviveu. Cicatrizes podem ser bonitas. Podem dizer que somos fortes. Tu és forte... e vais ter uma história incrível. Porque nada é por acaso..."

Confira a matéria sobre a escritora e seus demais livros clicando aqui!


Você pode gostar

Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Fiquei bem interessada em ler esse livro,
    pois não fujo de situações tristes,
    elas existem mesmo, e muitas vezes sofremos em relacionamentos amorosos, vícios e depressões com famaliares, mas quem sou eu para julgar?-palavras do Papa Francisco!
    O mais importante é a chegada vitoriosa!
    Obrigada pela dica!!!!
    Bjus e linda semana,amiga!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina, é sempre uma honra poder indicar livros tão bons quanto este!
      Obrigada pela sua visita e por compartilhar as palavras de mega sabedoria do Papa Francisco.
      Bjoos

      Excluir
  2. Esse livro também parece ser maravilhoso... bjs linda..

    ResponderExcluir