Ela era uma bela rosa, atraia muitos olhares, muitos se aproximavam dela. Um dia a rosa atraiu e se sentiu atraída, sem perceber permi...


Ela era uma bela rosa, atraia muitos olhares, muitos se aproximavam dela. Um dia a rosa atraiu e se sentiu atraída, sem perceber permitiu que a arrancasse do meio de outras rosas, ela se ludibriou e assim abandonou subitamente seu jardim. Sonhadora como era  achou que apenas à havia arrancando-a porque a desejava ter sempre por perto. Acreditava que ele a amava, queria sua companhia e atenção apenas para si.

Aos poucos a rosa percebeu que quem ela pensava que a amava na verdade a estava despedaçãndo-a. Aos poucos  suas pétalas eram arrancadas uma a uma, sua dor era tremenda, mas a rosa o amava e continuava a dizer a si mesma que ele não fazia de propósito machucá-la, ele a amava.

Então na última pétala, quando já estava totalmente despedaçada, jogada ao chão compreendeu. Ele apenas a havia usado para saber se uma outra o queria, tudo o que ela suportou, todas as dores, e todos  aqueles momentos não passavam de  uma brincadeira de "bem me quer, mal me quer". Ele saiu feliz e como na contiga infantil "a rosa despedaçada".

Muitos 'amigos' já haviam a despedaçado, mas nunca tanto quanto desta vez, nunca havia passado por tamanha dor e decepção, ela estava cansada de ser despedaçada, cansada de deixar que se aproximassem dela para depois a machucarem. 

Com sorte nesse mundo há um jardineiro muito bondoso que tinha um carinho especial por aquela rosa. O jardineiro vendo-a em pedaços a pegou em suas mãos com cuidado, levou novamente ela para o jardim e a replantou. Logo após se recuperar, estar forte, bela e perfumada novamente com os cuidados do jardineiro a rosa tomou uma decisão.

 A bela rosa jurou que nunca mais permitiria que se aproximassem dela novamente, ninguém mais a machucaria, nunca mais a deixariam em pedaços. Após sua decisão a rosa desenvolveu uma defesa eficaz, que afastava a todos, ninguém nunca mais a macharia, agora era ela quem feria. A rosa ficou então repleta de espinhos que perfuravam com destreza quem dela se aproximasse, a solidão era horrível, mas ao menos aassim ela estava inteira, segura.

 O jardineiro muito triste a observava, parecia querer muito pedir um favor a ela, mas parecia aguardar que antes ela o chamasse para conversar. Lembrando da sua piedade e carinho ao replantá-la a rosa então o chamou, pediu se ele gostaria que ela o ajudasse de alguma forma, questionou o que ela tão pequena e delicada poderia fazer para ele.

Ele então respondeu que desejava que não mais usa-se os espinhos, que ela se livrasse deles,que não ferissed mais ninguém que dela se aproxima-se. A rosa confusa e assustada disse porque usava espinhos, porque se isolava, porque agia como agia. O jardineiro a surpreendeu ao dizer que viu tudo o que aconteceu com ela, viu o quantoela chorou, viu quando ela cruelmente era despedaçada por aquele falso amor e por tantas outras vezes por falsas amizades.
Furiosa a rosa respondeu então porque ele não interviu, como ele podia estar pedindo aquilo a ela sendo que ele mesmo viu a dor e as maldades que ela passou ? Mais uma vez a rosa foi surpreendida com a resposta de seu sábio jardineiro. Com olhar terno e amoroso o jardineiro calmamente disse a rosa: 

~"Eu amo a você como uma filha e doeu muito em mim ter de ver sofrer, ouvir você chorar, por te amar e não desistir de você eu a replantei no mesmo jardim, junto as outras lindas rosas, como era antes. Coloquei você ali novamente, pois é onde você precisa estar. Você é muito bela, perfumada e rara, quem se aproxima de você nota que é diferente, você tem muito a mostrar e a ensinar a quem te observa e a quem se aproxima de ti, mas infelizmente isso também desperta inveja, alguns maldosos vendo você vão desejar despedaçá-la, se possível vão fazer você secar aos poucos até a morte.
Você percebendo isso, magoada por ter sido despedaçada afastou até mesmo outras rosas maravilhosas de você e elas sentem muito a sua falta, outros lamentam por não poder se aproximar de ti. Sabe, muitos se aproximavam de ti, te admiravam e só desejavam te ver cada dia mais bela aos meus cuidados em segredo muitos me pediam exatamente isso.

Mas você se fechou em sua dor e não conseguiu perceber tudo o que estou te revelando agora, não notou o bem que fazia, passou a cultivar em si mesma os espinhos por mais que eu buscasse tirá-los de você, você insistia em continuar com eles e quem a olhava assim só poderia dizer o jardineiro dela não é tão bom quanto dizem...

Minha bela rosa, sua missão é cativar mais pessoas para mim, fazer mais pessoas ao te contemplar lembrar de mim, pensar o quão bom sou,sua missão é encantar para que mais e mais desejem me conhecer.

Sei que estás magoada, mas lembre-se de todos que estão e desejam estar contigo. Lembre-se de todos  os que em segredo me pedem para cuidar muito bem de ti. Lembre-se de todos os que querem te ver cada dia mais linda aos meus cuidados e amor. Lembre-se do bem que você faz a tantos ao permitir que se aaproximem de ti. Lembre-se que por mais despedaçada possam te deixar eu estarei aqui para te ajudar, para te cuidar e te  receber com amor e carinhos para que volte a encantar."~

A rosa aos prantos muito emocionada concordou, percebeu o quão egoísta estava sendo, pediu perdão ao seu jardineiro tão paciente e amoros, a rosa também fez um juramento. 

Jurou que enquanto ele a permitisse viver ela cativaria o maior número possível de pessoas para que mais e mais buscassem querer conhecê-lo, ela seria a prova do quão bom seu jardineiro era e como ele fazia maravilhas. Ela passaria a deixar que dela se aproximassem, que tivessem acesso ao maravilhoso perfume que cultivava com a ajuda do seu jardineiro e que se por um acaso a despedaçassem ela não temeria porque seu jardineiro a estava observando e já viria replantá-la e dela cuidar.

Então se alguém já te despedaçou não cultive em si espinho, não afaste a todos porque alguém não soube apreciar sua companhia. Não se proteja de tudo e de todos porque alguém não soube admirar sua beleza, cultivar sua amizade, valorizar seu amor e não viu o maravilhoso presente que é poder sentir seu perfume. O mundo está cheio de espinhos, repleto de pessoas que ferem e magoam, não seja você tmabém mais uma no mundo para ferir, seja a diferença.

Seja a pessoa a agir com bondade. Seja a pessoa a sorrir com graça. Seja você a exalar o perfume maravilhoso que só vem de quem segue a Cristo. Seja a pessoa que evangeliza mais com sua presença do que com suas palavras. Seja a pessoa a acreditar ainda há bondade das pessoas, basta despertá-las para isso. Não machuque o outro por medo de ser machucada. Seja a pessoa que cativa mais pessoas para Cristo. Seja testemunha do amor de Deus. Seja a pessoa que não importa o que aconteça sempre lembra de amar o outro como a ti mesma.

Que você pense mais no propósito de Deus ao te dar sua vida do que em si mesma, do que em se manter inteira. Que você se lembre que Deus tem um plano glorioso  através da sua vida, que Ele sempre vai te replantar, cuidar e te ajudar com todo amor e carinho, e isto faz tudo valer a pena.

Moça, seja a rosa que orgulha seu jardineiro!

Olááá, se você é Jovem Literário você deve estar pensando "Oi? Eu estou no lugar certo?", mas calma, não se assuste, senta aqui...

Olááá, se você é Jovem Literário você deve estar pensando "Oi? Eu estou no lugar certo?", mas calma, não se assuste, senta aqui que eu vou te explicar tudinho...
Primeiro... SIM, você está no lugar certo, no entanto, é notável que houve algumas mudanças por aqui não é mesmo? Pois então, o blog está de cara nova!

Faz muitooos meses que estou planejando todas essas mudanças, porém faltava coragem e aquele apego master com tudo o que construi aqui, tinha receio de mudar, no entanto, a vida exige mudanças e por isso vem aí Metamorfose, o blog repaginado.



Se você amava o conteúdo do Jovem Literário não há nada a temer, porque aqui nada se perde, tudo se transforma (LAVOISIER) *BA DUM TSSSS*...

O Jovem Literário foi uma fase maravilhosa em minha vida e estará para sempre em meu coração, mas sentia a tempos que precisava mudar, repaginar, recriar, reinventar... E de encontro a isso vem Metamorfose, o nome em si descreve tudo aquilo que preso e mo, é uma representação perfeita do meu cotidiano. Cada dia em minha vida é uma metamorfose, onde por meio de lugares, pessoas e relações sociais vão me transformando, vão me auxiliando a sair do chão, ganhar asas e alçar voo, nada descreveria melhor aquilo que tanto busco ser...

Um ser inconstante, intermitente, e mutável, que jamais se contenta consigo e com o mundo, sempre a procura de transcendência e elevação da alma. 

Aos que me conhecem mais de perto sabe do meu amor por borboletas, especialmente as azuis, que dominam meu ser e que há anos marcam minha vida. Elas são símbolo de um amor que ultrapassa a vida, são lembranças de alguém que amei e que cumpriu sua jornada muito cedo na terra tamanha sua capacidade, são recordações queridas de um ser que imensamente amo e que para sempre por mim será lembrado. 

Borboletas são a minha bandeira, significam alma, psicologia, transformação, metamorfose, deixar o chão e alçar voo, voltar-se para dentro e buscar ser sempre mais... É o resumo do ser que vos fala, portanto, esse é o modo que encontrei de compartilhar meu mundo silencioso tão particular que grita por meio de meus escritos, espero que apreciem essa transformação e que sejam levados a metamorfose a cada post que lerem.

Sejam bem-vindos a uma viagem de encontro a minha alma enquanto perambulam cada parte que compõe meu ser!




Como recordar é viver, deixo como ponto final a antiga logo, saudando todos os momentos que passei com vocês escrevendo o Jovem Literário...
E também agradeço ao Johnny que foi o responsável por essa logo linda ao lado que me seguiu neste últimos anos do Jovem Literário!

FICHA TÉCNICA Autora: Agatha Christie Editora: Nova Fronteira Páginas: 258 Gênero: Romance Policial, Suspense, Literatura Estrangeir...

FICHA TÉCNICA
Autora:
Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 258
Gênero: Romance Policial, Suspense, Literatura Estrangeira.
ISBN: 978-85-20936-51-1

SINOPSE
Bela, rica e inteligente, a jovem herdeira Linnet Ridgeway parece conseguir tudo o que quer. No entanto, quando rouba o noivo de sua melhor amiga e se casa com ele sem pensar duas vezes, talvez Linnet esteja indo longe demais...
Em sua viagem de lua de mel num cruzeiro pelo rio Nilo, no Egito, o casal apaixonado se depara com uma série de antagonistas interessados em sua fortuna e em provocar sua infelicidade. Então Linnet é encontrada morta, com um tiro na cabeça. O detetive Hercule Poirot, que por acaso também estava no navio, entra em ação para tentar montar mais esse quebra-cabeça.

RESENHA
Bom, nunca fui muito interessada em romances policiais, porém devido a um amigo meu ter um fascínio por este gênero e ser fã dos livros da Agatha Christie comecei a ter uma certa curiosidade, no entanto por eu ter outros livros de gêneros que eu aprecio nunca levava a ideia de ler um livro de Agatha Christie adiante, porém no meu aniversário ganhei este exemplar e acabei pulando vários livros da minha lista interminável de leitura para finalmente matar minha curiosidade e cumprir minha promessa de que iria ler um livro da Agatha!

Entãoooooo.... Como eu havia lido recentemente o livro Missão Pré-Sal 2025 que tem muita investigação e suspense e tinha apreciado muito a leitura, imaginei que iria ser fascinada por este, no entanto não imaginei que seria tanto assim, não podia imaginar que seria tão instigante, esperava sim uma excelente leitura e uma narrativa incrível, mas mesmo com minhas espectativas mais altas não alcançaria o quanto o livro é realmente maravilhoso, envolvente e surpreendente.

Eu amei a narrativa da Agatha, as personalidades que ela dá a seus personagens, a trama e os ambientes que ela consegue contruir ao desenrolar da história, a forma do desfecho dos mistérios, aquelas reviravoltas inimagináveis que ela cria, a criatividade inquestionável que ela tem para arquitetar planos, crimes e soluções durante todo o romance e também não poderia deixar de dizer a minha admiração pelo detetive Hercule Poirot!

Sabem aquele livro que te prende do começo ao fim? Aquele que te desafia a desvendá-lo a cada capítulo? Aquele que você traça mil e uma possibilidades para a solução do mistério, mas sempre acaba 'errando'? Que tem um final incrível de tirar o fôlego? Aquele em que você tem várias suspeitas, cria cenários, possibilidades e acusações sobre os personagens, mas a escritora se torna a advogada de defesa destes personagens que você acusa e apresenta provas que comprovam que seu julgamento está errado e no fim te surpreende com o culpado e com o desfecho do crime da maneira mais inimaginável? Então, sem dúvida esta escritora é a Agatha Christie e este deve ser apenas um destes livros com tal perfil, tanto que já estou preparando minha próxima leitura de suas obras... Ficaram curiosos para saber qual será minha escolha?? Então sigam o blog, acompanhem e não percam a próxima resenha de mais uma obra da Agatha Christie!

Boa investigação a vocês!

FICHA TÉCNICA Autora: Dáfne Freitas Saga: Legião Branca - Livro I Editora: Novo Século Páginas: 399 Gênero: Ficção, Fantasia, Literat...

FICHA TÉCNICA
Autora: Dáfne Freitas
Saga: Legião Branca - Livro I
Editora: Novo Século
Páginas: 399
Gênero: Ficção, Fantasia, Literatura Brasileira.
ISBN: 978-85-42805-51-2

SINOPSE
No pequeno planeta Gondorle o Capitão da Guarda Real, Héricles Adalberon, se vê diante de um dilema: manter-se ao lado do Rei e tentar proteger o reino, ou sacrificar sua carreira e manter a Princesa a salvo? Salvar o reino pareceria o mais óbvio, mas sua intuição lhe dizia o contrário. Teria que se aliar ao inimigo do reino nessa empreitada sem cabimento, e torcer para que seus propósitos fossem compreendidos.

A história inicia-se com uma decisão difícil, que reúne pela primeira vez os personagens de uma trama muito maior. Enquanto aprendem a trabalhar juntos e confiar uns nos outros, estreitam-se os laços entre eles. E quando uma força estranha desperta, num incêndio monstruoso, eles descobrem que há muito mais em jogo do que apenas a busca pela salvação do reino.

Uma narrativa envolvente e um enredo cheio de fantasia e mistérios. O Despertar do Guardião é apenas o início de uma aventura que desvendará os mistérios ao redor da Lenda da Grande Legião Branca.

RESENHA
O livro narra uma batalha tramada por personagens marcantes que tem seus destinos unidos até mesmo contra suas vontades, que o levam a decidir o futuro de vários  planetas e multidões, alguns personagens se unem em meio a muitas dificuldades, subornos, injustiças e desconfianças, mas a pergunta que não quer calar entre toda esta defesa de causa destes amigos... Ou seria melhor aliados? Quem sabe! Enfim, será que podem estes fazer a paz, a luz e a verdade voltar a viver ou estão fadados ao fracasso? Suas lutas serão em vão? Quem permanecerá em pé e vitorioso nesta batalha será mesmo eles? Você terá que ler para descobrir, porém posso lhes contar o que senti com tão fantástica leitura... Querem que eu conte? Ok, então confiram abaixo!

Sabe aquele livro que de tão bom quando você vai falar dele você não sabe nem por onde começar? Aquele livro que você não sabo que elogiar primeiro? Aquele que você começa a ler e não quer mais parar? Aquele que você evita começar a leitura, pois sabe que se ler os primeiros capítulos não conseguirá abandonar a leitura e irá pular vários da sua lista? Aquele em que você não tem um personagem favorito e sim vários? Aquele livro que você já no início fica pensando como foi que o escritor(a) arquitetou uma história tão fascinante? Aquele que você pensa que irá infartar a qualquer momento quando estiver lendo? Aquele que ao terminar você acredita que não conseguirá aguentar até o lançamento da continuação? Então, com toda certeza este livro é O Despertar do Guardião!

Nossa, eu realmente demorei a começar o livro, pois minha lista de leitura é ultra mega interminável e realmente me sinto criminosa quando pulo livros, mas dessa vez li alguns antes, mas quando iniciei a leitura não consegui mais parar, literalmente devorei o livro rapidamente e com uma 'fome' literária cada vez maior, cada página ficava com uma 'fome' ainda mais voraz e insaciável por respostas, pela continuidade e meu fascínio só aumentava.

A Dafne criou um cenário incrível, personagens fascinantes, um desfecho avassalador repleto de magias, acontecimentos instigantes, idéias bem arquitetadas, planos muito bem elaborados pelos personagens.

Com certeza este é aquele livro que me causa um orgulho enorme por saber que é nacional e que tem seu lugar honrado em minha estante... Aos que assim como eu adoram livros repletos de estratégias, reinos, personagens marcantes e sagas instigantes sem dúvida nenhuma PRECISAM ler O Despertar do Guardião, assim como eu tenho certeza que ficarão fascinados e sedentos pela continuação!

Oláá Jovens Literários. O post de hoje é sobre o próximo lançamento da Ler Editorial, o livro Sombras do Mundo da autora  D aniella Rosa...


Oláá Jovens Literários.
O post de hoje é sobre o próximo lançamento da Ler Editorial, o livro Sombras do Mundo da autora Daniella Rosa.
O evento de Lançamento acontecerá na Livraria da Travessa no Rio de Janeiro junto com a turnê das Estrelas da Ler, para acessar a programação e mais informações sobre a turnê clique aqui, o evento do lançamento acontecerá em São Paulo acontecerá dia 13/12 (Domingo) as 15:30 na Livraria Martins Fontes da Avenida Paulista. O evento no Facebook ainda está sendo criado para que  vocês possam acompanhar as novidades.



FICHA TÉCNICA
Autora: Daniella Rosa
Editora: Ler Editorial
Páginas: 280
Gênero: Fantasia, Ficção, Romance, Literatura Brasileira.
ISBN: 978-85-68925-14-6
Compre em pré venda com DESCONTO, FRETE GRÁTIS e AUTOGRAFADO: Clique aqui.

SINOPSE
Alany é uma garota confusa, pressionada por suas visões e por um sentimento latente de que cada célula do seu corpo grita por liberdade. O mundo visto por ela tem formas, cores e sombras que mais ninguém é capaz de ver. Sem a proteção da mãe, que abandonou a família quando ela ainda era pequena, e com a recente perda do pai em um terrível acidente, Alany se sente sozinha e perdida, vivendo em um mundo onde a gentileza é subjugada e o bem é sinônimo de fraqueza. Mas sua vida muda de curso quando conhece San. San é cantor, dono de uma voz angelical e de uma beleza estonteante, e algo nele desperta sentimentos que Alany sequer sabia que existiam. Mas em um evento inexplicável San desaparece, sem qualquer aviso ou razão, e encontrá-lo passa a ser prioridade.
Durante essa busca, Alany será levada por caminhos que jamais imaginara e sua vida se transformará completamente. Enquanto algumas peças se encaixam, outras vagam muito fora de seu alcance. Uma figura misteriosa e maligna, máscaras que caem, um inimigo que se revela confiável, e a descoberta de que seu novo amor é muito mais do que um belo rapaz, são só alguns detalhes dessa eletrizante história.
O mundo já não parece real, pois o conceito de realidade se perdeu. As pessoas não são o que parecem e a própria Any não é o que pensava ser. As lendas sim são reais, e caminham pelas ruas displicentemente. As sombras não estão apenas na sua cabeça, afinal, e as cores têm significados verdadeiros, que começam a dar sentido a sua vida insípida. Mas nenhum alívio vem sem um preço.


SOBRE A AUTORA
Leitora compulsiva, apaixonada por romances de fantasia, Daniella resolveu escrever sua própria obra para preencher o vazio que sentia a cada bom livro que acabava de ler.
Nascida no interior de São Paulo e formada em Marketing, dedicou parte de sua vida ao mundo corporativo, e embora tenha escrito poemas e músicas na adolescência, somente há alguns anos se dedicou integralmente ao que realmente lhe inspira: seus dois filhos e suas histórias fantásticas.

Adicione o livro ao seu skoob: Clique aqui.
Siga a autora ao seu skoob: Clique aqui
Compre Sombras do Mundo em pré venda com DESCONTO, FRETE GRÁTIS e AUTOGRAFADO: Clique aqui.